Imagem da matéria: "Bitcoin será a Amazon das criptomoedas", diz investidor de risco
(Foto: Shutterstock)

Durante uma entrevista à CNBC na última quarta-feira (21), o investidor de risco Lou Kerner disse que se a atual queda no preço do bitcoin for semelhante à quedas das empresas durante a bolha da internet dos anos 90, então o bitcoin será a Amazon na Era das criptomoedas.

Kerner, que é cofundador e parceiro da CryptoOracle, fez uma analogia ao momento atual do bitcoin com a internet dos anos 1990/2000, quando muitos investidores aplicaram em empresas ‘.com’ (pontocom) e presenciaram, logo depois, uma das maiores bolhas financeiras da história.

Publicidade

O empresário se refere a empresas remanescentes daquela época que sobreviveram, nesse caso, a Amazon, hoje uma gigante no comércio eletrônico, mas que à época viu o preço de suas ações despencaram drasticamente.

Em maio de 1997, a Amazon abriu o capital em US$ 18 por ação e viu ela chegar a US$ 300 em dezembro de 1998, o que fez com que a empresa começasse a se expandir. Só que, pouco depois, vieram as quedas e, em 2000, cada ação valia apenas US$ 6, diz a reportagem.

Kerner comentava sobre a queda geral no mercado de criptomoedas e sobre os holders que investiam em bitcoin a longo prazo e a cada dois anos obtinham enormes ganhos.

“Teve uma vez, em 2013, que caímos 70% da noite para o dia. Ninguém gosta de passar por isso, mas isso é o que é investir em criptomoedas”, disse Kerner.

Publicidade

Os comentários do investidor pareceram ecoar na comunidade, tanto que chamou a atenção de Mati Greenspan, analista sênior de mercado da plataforma de investimentos eToro.

No Twitter, ele postou uma imagem que mostra a queda de quase 99% nas ações da Amazon no período citado por Kerner, com a seguinte frase:

“Só vou deixar isso aqui…”.

Apesar da queda, em setembro deste ano a Amazon se tornou a segunda empresa dos EUA a alcançar um valor de mercado de US$ 1 trilhão.

“A criptomoeda tem sido tão fraca porque a maior parte não tem um valor subjacente além da confiança, mas o bitcoin, em si, achamos que vai substituir o ouro eventualmente. O ouro é algo de US$ 8 trilhões”, disse Kerner

Publicidade

Ele acredita que o bitcoin é uma reserva de valor e a maior já criada até hoje. Sua crença é de que a criptomoeda substitua o ouro em algum momento no futuro.

“Deve ultrapassar o ouro ao longo do tempo. Isso não acontecerá da noite para o dia”, concluiu.

A bolha da internet

A popularização da internet no fim dos anos 90 causou o fenômeno que ficou conhecido como a bolha da internet. O valor de mercado de muitas empresas do setor de tecnologia, que mesmo sem ter uma receita real, acabou alcançando níveis astronômicos.

E, desta forma, muitos que investiram nos novos empreendimentos ficaram milionários, chamando a atenção de outros investidores.

Como resultado, centenas de empresas “pontocom” foram avaliadas em bilhões de dólares. O índice Nasdaq, que reunia a maior parte das empresas de tecnologia, teve uma alta surpreendente.

A bolha estourou quando, então, ficou claro que muitas dessas empresas não eram rentáveis. Desta forma, em outubro de 2002, o índice Nasdaq caiu bruscamente e ocasionou uma recessão nos EUA com reflexos globais, inclusive no Brasil.


BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br

Publicidade
VOCÊ PODE GOSTAR
Um pessoa acompanha um gráfico de alta com o dedo indicador gŕadico de alta

Analistas indicam 3 criptomoedas que podem disparar em meio a queda do Bitcoin

Analistas da Fairlead Strategies produziram um gráfico de rotação relativa (RRG) das principais altcoins em relação ao BTC
Moedas douradas de Bitcoin (BTC) e um gráfico de preço ao fundo

Preço do Bitcoin despenca com liquidações de US$ 245 milhões no mercado

As liquidações de criptomoedas dispararam na terça-feira (11), com o Bitcoin despencando 5% e indo a US$ 66 mil
Imagem da matéria: Morte de John McAfee completa 3 anos; relembre a história do “pai do antivírus” e defensor do Bitcoin

Morte de John McAfee completa 3 anos; relembre a história do “pai do antivírus” e defensor do Bitcoin

Não importa o quão fascinante tenha sido sua visão libertária para anarcocapitalistas ou o quão decepcionante foi para seus seguidores sua vida regada a álcool e drogas: John McAfee teve um final trágico
Ilustração mostra mãos robótica segurando moeda de Bitcoin

Manhã Cripto: Tokens ligados à inteligência artificial ofuscam Bitcoin com ganhos de até 26% no dia

Fetch.ai e SingularityNET surpreendem com ganhos entre 24% e 26% nas últimas 24 horas