Imagem da matéria: Bitcoin pode ser a 'primeira moeda mundial', diz CEO da Bolsa de Nova York
(Foto: Shutterstock)

Jeffrey Sprecher, fundador e CEO da Intercontinental Exchange (ICE), proprietária da Bolsa de Valores de Nova York (NYSE), disse à Fortune que o Bitcoin tem o potencial para se tornar a primeira moeda mundial.

A ICE anunciou nesta sexta-feira (03) que está formando uma nova empresa chamada Bakkt. O novo empreendimento, que deve ser lançado em novembro, vai oferecer um mercado regulamentado para o Bitcoin.

Publicidade

Com a criação da Bakkt, a ICE pretende transformar o Bitcoin em uma moeda global confiável e de amplo uso, pois, segundo Sprecher, “o Bitcoin simplificaria muito a movimentação do dinheiro global”.

Para isso, a ICE está jogando todo o peso de sua empresa em um plano muito arrojado para que o projeto de uma moeda universal de Satoshi Nakamoto, suposto criador do Bitcoin, possa se tornar realidade e assim ajudar na evolução da maior criptomoeda do mundo.

Tudo indica que a ICE não só lançará contratos futuros de bitcoins, mas também vai contribuir diretamente com os comerciantes que poderão aceitar rotineiramente o bitcoin como forma de pagamento, como a Starbucks, por exemplo, que já entrou no jogo como parceira, notou a CCN.

Enquanto Sprecher vislumbra a possibilidade de levar o Bitcoin ao ‘mainstream’ com a Bakkt, ele também diz que poderia ajudar os gerenciadores de ativos convencionais a atrair investidores mais jovens, que às vezes são tão céticos em relação aos produtos financeiros tradicionais quanto aos criptoativos.

Publicidade

“A geração do milênio não confia em instituições financeiras tradicionais. Para ganhar sua confiança, bancos, corretoras e gestores de ativos podem usar uma moeda em que os ‘millennials’ acreditam, como o Bitcoin”, disse ele à Fortune.

Notadamente, o comentário de Sprecher remonta a outra declaração feita por ele em abril deste ano. Na ocasião, ele revelou que contratos futuros de moedas digitais como o Bitcoin não estavam fora dos seus planos, pois o aumento da popularidade das criptomoedas não poderia ser descartado.

“Há uma tendência que não podemos ignorar”, disse o presidente da ICE.

Ele também apontou que as pessoas depositam agora mais confiança no criador do Bitcoin do que em instituições financeiras tradicionais.

“As pessoas colocam mais fé em um cara chamado Satoshi Nakamoto, que eles nunca conheceram, do que no Banco Central dos EUA”.

Publicidade

Compre Bitcoin no Celular

A BitcoinTrade é a melhor plataforma para operar criptomoedas do Brasil.
Compre Bitcoin, Ethereum e Litecoin com segurança e liquidez, diretamente pelo app.
Baixe agora e aproveite, acesse: www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Moedas douradas de Bitcoin (BTC) e um gráfico de preço ao fundo

Preço do Bitcoin despenca com liquidações de US$ 245 milhões no mercado

As liquidações de criptomoedas dispararam na terça-feira (11), com o Bitcoin despencando 5% e indo a US$ 66 mil
Imagem da matéria: Polícia da Alemanha movimenta R$ 712 milhões em Bitcoin e faz depósitos em corretoras

Polícia da Alemanha movimenta R$ 712 milhões em Bitcoin e faz depósitos em corretoras

Dois depósitos foram feitos para a Kraken e Bitstamp e indicam que as autoridades alemãs começaram a vender parte dos 50 mil BTC que controlam
Jerome Powell, presidente do Fed, mostrado em tela de computador

Bitcoin cai para a casa dos US$ 67 mil após Fed manter taxa de juros

Jerome Powell afirmou que a busca do banco central dos EUA pela meta de 2% de inflação ainda não acabou
Baleia

Baleias lucram US$ 1,2 bilhão em duas semanas com vendas de Bitcoin

As baleias estão vendendo BTC com mais força do que nunca, o que pode influenciar na queda da criptomoeda