Imagem da matéria: Bitcoin opera em alta e volta aos US$ 7.000; criptomoedas acompanham
(Foto: Shutterstock)

O preço do bitcoin iniciou ontem (27), às 20:00, mais um movimento de alta, subindo US$ 200 em menos de uma hora. Hoje, às 8:00, o movimento continuou e a criptomoeda já é negociada acima dos US$ 7.000.

No Brasil, de acordo com o Índice de Preço do Bitcoin (IPB), a cotação do BTC opera em alta de +3,99% (R$ 1.101,18) nesta terça-feira (28), sendo negociado a R$ 28.674.

Publicidade
Gráfico IPB

Com esse movimento, o bitcoin atinge seu maior patamar dos últimos 20 dias após ter sido negociado abaixo dos US$ 6.000, mostrando uma valorização de 20% desde então.

Novos dados da CFTC revelaram uma queda nas operações vendidas de bitcoin (shorts), levando os traders a renovar as expectativas de uma forte recuperação até o final do ano. Os usuários também estão aguardando a decisão da SEC sobre vários pedidos de ETF de bitcoin. Fora isso, nenhuma nova notícia relevante saiu para justificar essa alta, sendo apenas um movimento natural do mercado.

Criptomoedas acompanham a recuperação

Depois de algumas semanas em queda, as principais criptomoedas do mercado também voltaram a se recuperar da pior queda de 2018, quando a soma do valor de mercado delas caiu abaixo dos US$ 200 bilhões.

Em destaque estão a IOTA e Dash, com altas superiores a 20% nas últimas 24 horas. O Ethereum também opera em alta mas um pouco mais tímido, com apenas 3,77%, sem conseguir recuperar o nível de US$ 300.

Publicidade

O marketshare do bitcoin continua próximo ao seu maior patamar de 2018, 53%, seguido pelo ethereum, com quase 13%.

O valor de mercado das criptomoedas está em US$ 228 bi, 20% a mais que duas semanas atrás.


Procurando o melhor lugar para fazer seus trades?

A Huobi, exchange líder em ativos digitais, chegou ao Brasil! Crie sua conta em menos de 1 minuto. Plataforma em português, mais de 150 altcoins, taxa de apenas 0,20%, liquidez e muita segurança, acesse: https://www.huobi.com/

VOCÊ PODE GOSTAR
o que é mineração de bitcoin

Nunca tantas pessoas pesquisaram sobre halving no Google quanto agora

Não só o halving, mas termos técnicos relacionados ao Bitcoin estão entrando na consciência pública mais do que nunca
Criptomoedas formam círculo com bitcoin no centro

Alta do Bitcoin torna criptomoedas o investimento mais buscado no Brasil em março

As criptomoedas superaram os CDBs e fundos de ações e multimercado no ranking do buscador de investimentos Yubb
Celular com logotipo da BInance

Binance lista 6 novos pares de negociação com USDC e lira turca

A corretora também vai incluir os novos pares em seu serviço de robôs de negociação (trading bots)
Miniaturas de homens em cima de moeda de Bitcoin gigante fazendo medição pela metade

Halving do Bitcoin mostra que a criptomoeda ainda tem espaço para subir, afirma Bitfinex

O preço do Bitcoin caiu essa semana, mas a Bitfinex afirma que o comportamento de grandes investidores é similar a 2020 — antes da grande corrida de alta