Imagem da matéria: “Bitcoin não é substituto para o ouro", diz Organização Mundial do minério
(Foto: Shutterstock)

O Conselho Mundial do Ouro (WGC), organização que desenvolve o mercado no setor, defendeu o nobre metal na comparação com o bitcoin, afirmando que as criptomoedas não são substitutas ao ouro.

“Criptomoedas, como bitcoin, caíram enquanto o ouro subia”, diz um trecho de um relatório publicado pela instituição em janeiro deste ano.

Publicidade

A organização, cujo objetivo é estimular e sustentar a demanda de ouro desde a mineração até os investimentos, mostrou dados de 2018 para justificar a afirmativa de que as criptomoedas são ativos de risco e que não são substitutas do precioso metal.

“Como os acontecimentos do final de 2018 indicaram, foi percebido que a capacidade das criptomoedas em ser um investimento seguro ou uma reserva de valor em tempos de um mercado agitado, não se sustentou”, diz um trecho do relatório.

Além do ouro, a WGC também comparou dados do desempenho do criptoativo com os da bolsa novaiorquina Nasdaq no período entre outubro e dezembro de 2018, destacando que o bitcoin caiu 55% enquanto ela teve queda de 19%.

(Fonte: Gold.org)

O maior argumento usado pelo grupo, contudo, é que o ouro é muito diferente das criptomoedas, pois é menos volátil, possui liquidez e negocia em um mercado regulado.

Publicidade

Bitcoin torna à casa dos US$ 4 mil

Na terça feira (19), o Bitcoin voltou a ser cotado acima dos US$ 4.000 e entrou em um movimento de alta que já dura mais de dez dias, o que pode ser o início de uma recuperação maior.

O preço chegou a US$ 4.200 antes de devolver todos os ganhos e retornar aos US$ 3.800 em poucas horas.

No Brasil, a criptomoeda chegou a ser negociada a R$ 15.000, onde foi negociada pela última vez em meados de janeiro, e voltou a cair para R$ 14.000.

Desde a baixa anual, o Bitcoin já valorizou 20%. Apesar da recuperação, o ativo ainda acumula uma queda de quase 80% desde a sua máxima histórica de US$ 20.000, atingida em dezembro de 2017.


Coinext

Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil. Cadastre-se e veja como é simples, acesse: https://coinext.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
moeda e notas pendurada em um varal

Operação contra maior milícia do RJ revela que suspeitos compravam Bitcoin para lavar dinheiro

Fonte do dinheiro movimentado pelos suspeitos seria oriundo de grilagem de terras, extorsão contra comerciantes e exploração do transporte
Baleia

Baleias lucram US$ 1,2 bilhão em duas semanas com vendas de Bitcoin

As baleias estão vendendo BTC com mais força do que nunca, o que pode influenciar na queda da criptomoeda
Imagem da matéria: Ex-diretor do governo Trump diz que Bitcoin pode bater US$ 170 mil com reeleição de Biden

Ex-diretor do governo Trump diz que Bitcoin pode bater US$ 170 mil com reeleição de Biden

“Se você é um capitalista, a coisa mais importante que você precisa em uma sociedade é a previsibilidade da lei”, disse Scaramucci
Ilustração mostra mãos robótica segurando moeda de Bitcoin

Manhã Cripto: Tokens ligados à inteligência artificial ofuscam Bitcoin com ganhos de até 26% no dia

Fetch.ai e SingularityNET surpreendem com ganhos entre 24% e 26% nas últimas 24 horas