Imagem da matéria: Bitcoin cai 5%; Ethereum e Bitcoin Cash caem mais de 10%
(Foto: Shutterstock)

O Bitcoin voltou a cair nesta quinta-feira (27) e atingiu a menor cotação dos últimos oito dias. Em queda de quase 5%, o bitcoin é negociado a US$ 3.700 nas principais exchanges internacionais. No Brasil, a criptomoeda também opera em queda e é negociada a R$ 14.400, de acordo com o IPB.

Publicidade

Apesar da baixa volatilidade e da época das festas de final de ano, o volume negociado está acima da média. Nas últimas 24 horas, mais de US$ 5 bilhões foram movimentados em BTC. No Brasil, o valor é de 726 BTC, equivalentes a quase R$ 11 milhões.

Criptomoedas em queda

Acompanhando a queda do Bitcoin, as principais criptomoedas do mercado operam em queda nas últimas 24 horas. Nos últimos sete dias, apenas ETH, ETC e Maker tiveram valorizações.

Bitcoin Cash e Bitcoin SV tiveram a maior queda na semana, 20% e 23% respectivamente.

O Ethereum voltou a se aproximar do XRP, token da Ripple, e pode voltar a ocupar a segunda posição caso continue a se recuperar.

O valor de mercado das criptomoedas está em US$ 120 bi. O Bitcoin continua dominando o mercado, com marketshare de 52%.

Cotação das principais criptomoedas

BitcoinTrade

Baixe agora o aplicativo da melhor plataforma de criptomoedas do Brasil
Cadastre-se e confira todas as novidades da ferramenta, acesse: www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin se estabiliza acima de US$ 67 mil; Ethereum atinge US$ 3 mil em semana decisiva para ETFs

Manhã Cripto: Bitcoin se estabiliza acima de US$ 67 mil; Ethereum atinge US$ 3 mil em semana decisiva para ETFs

A semana promete ser agitada à medida que chega o prazo final para a SEC decidir se aprova ou rejeita o lançamento de ETFs de Ethereum à vista
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin cai para US$ 60 mil; Trump defende criptomoedas e faz memecoin subir 155%

Manhã Cripto: Bitcoin cai para US$ 60 mil; Trump defende criptomoedas e faz memecoin subir 155%

No Brasil, investidores reagem à decisão do Copom de reduzir em 0,25 ponto percentual a taxa básica de juros (Selic)
Imagem da matéria: Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Fundador do Telegram diz que manterá seus tokens do Notcoin até multiplicarem por 100

Pavel Durov detém 1% do maior token de jogo deste ano, doado pelos jogadores. E ele não está vendendo seus Notcoin – não agora, pelo menos
Moeda prateada da Chainlink com reflexo em um fundo roxo

Chainlink sobe 18% ao lançar projeto piloto em Wall Street com JP Morgan, BNY Mellon e DTCC

A DTCC anunciou que acaba de concluir um projeto piloto de tokenização com gigantes de Wall Street, como JP Morgan e BNY Mellon, aproveitando o CCIP da Chainlink