Imagem da matéria: Bitcoin bate US$ 9.400 e registra maior preço em duas semanas
Foto: Shutterstock

O preço do Bitcoin (BTC) subiu US$ 100 em um intervalo de 15 minutos às 4h30 desta terça-feira (21), atingindo US$ 9.400. No Brasil, a criptomoeda voltou a ser negociada acima dos R$ 50.000.

Nas últimas semanas, o Bitcoin está com uma volatilidade abaixo do normal. Depois de cruzar a marca de US$ 10.000 em 2 de junho, ele lentamente caiu para os US$ 9.000, onde permaneceu por mais de 10 dias.

Publicidade

O aumento de hoje liquidou US$ 23 milhões em operações vendidas na BitMEX. De acordo com o datamish, 192 traders trocaram suas posições de negociação de short para long, apostando numa alta do preço do bitcoin.

Os volumes de negociação do Bitcoin também estão se recuperando um pouco. Embora o volume diário de negociação tenha caído para US$ 12 bilhões há três dias, eles recuperaram para US$ 16 bilhões.

Mesmo com a estagnação recente, o BTC acumula alta de 34% em 2020, após virar o ano cotado a US$ 7.200.

A máxima anual foi registrada em 31 de maio, a US$ 10.400 enquanto a mínima, a US$ 4.000, foi registrada em 12 de março, no auge da crise do coronavírus.

Publicidade

A grande maioria das criptomoedas operam em alta nesta terça-feira (21), com o preço do Ethereum (ETH) subindo 2,1%, Litecoin (LTC) 3,2% e Monero (XMR) 3,3%. Algumas estão no vermelho, com Chainlink (LINK) caindo 4% e Stellar (XLM) 2,2%.

VOCÊ PODE GOSTAR
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
bitcoin brilhando na mão

Semler Scientific investe US$ 40 milhões em Bitcoin e ações disparam 25%

As ações da Semler Scientific subiram 25% após a entidade anunciar a adoção do Bitcoin como principal ativo de reserva do tesouro
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta
moeda de bitcoin ao lado de celular com logo da mt gox

Manhã Cripto: Bitcoin cai após Mt. Gox mover US$ 9 bilhões em BTC

A grande movimentação de Bitcoin pela Mt. Gox é um sinal de que, muito em breve, os investidores lesados pelo hack de 2014 serão ressarcidos