Logo da Binance Smart Chain
Shutterstock

A fase de rebranding parece chegar para todas as marcas e agora foi a vez da Binance mudar o nome da sua blockchain para BNB Chain.

Até então conhecida como Binance Smart Chain (BSC), a solução lançada pela popular corretora em setembro de 2020 se tornou uma das redes de contratos inteligentes mais utilizadas no meio cripto, hospedando milhares de criptomoedas, jogos NFTs e projetos DeFi.

Publicidade

O “BNB” que até então se era conhecido como o ticker da criptomoeda nativa da corretora, Binance Coin (BNB), agora passa a ter o próprio significado, sendo a sigla para “Build and Build” (construir e construir).

Em nota à imprensa desta terça-feira (15), a empresa explica a decisão de mudar o nome da rede como uma forma de esclarecer a “evolução descentralizada” da blockchain que, segundo a Binance, transcende a corretora no que diz respeito aos casos de uso.

A mudança de nome, portanto, segue a linha desenhada pelo projeto para beneficiar usuários e desenvolvedores ligados à comunidade da BNB Chain.

A partir desta terça, a rede da Binance fica composta por: BNB Beacon Chain — anteriormente Binance Chain —, responsável pela governança da BNB Chain (staking, votações); e a BNB Smart Chain (BSC) — anteriormente Binance Smart Chain —, a rede principal compatível com Ethereum Virtual Machine (EVM), camadas de consenso e hubs multi-chain.

Publicidade

“A BNB Chain adotará aplicações de grande escala, incluindo GameFi, SocialFi e Metaverse. Em particular, escalando de uma cadeia para várias outras, melhorando as soluções de dimensionamento e expandindo o conjunto de validadores da BSC de 21 para 41 (com 20 validadores funcionando como produtores de blocos candidatos)”, disse Samy Karim, coordenador do ecossistema da BNB Chain.

BNB Chain no centro do ‘MetaFi’

Ao mudar de nome, a Binance também divulgou o plano de levar sua rede ao centro do que chama de MetaFi (‘Meta’ para meta ecossistema data e ‘Fi’ para DeFi), oferecendo a infraestrutura que alimenta a economia virtual. 

De forma geral, MetaFi é um conceito que coloca sob o mesmo guarda-chuva os diferentes tipos de projetos, como Metaverso, DeFi, GameFi, SocialFi, Web3 e NFTs

“O objetivo do MetaFi é construir e promover novos ecossistemas, construídos em parâmetros de metadados padronizados, baseados em ativos digitais que capacitam a adoção em massa do metaverso e também fornecem aos usuários e jogadores novos casos de uso”, finaliza a nota da empresa.

VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Coinext lança gestora e abre captação para seu primeiro fundo cripto 

Coinext lança gestora e abre captação para seu primeiro fundo cripto 

A Coinext Asset estreia no mercado com o Coinext Crypto Strategy FIM IE, fundo multimercado com investimento 100% em cripto no exterior
Amostra de NFT de tênis da Adidas par ao jogo Move to Earn

Adidas lança NFTs de tênis de R$ 13 mil em parceria com empresa cripto Stepn

A gigante de roupas esportivas Adidas fez parceria com o jogo baseado na rede Solana para lançar alguns tênis virtuais de corrida
Imagem da matéria: Ex-conselheiro do Ethereum quer R$ 50 bilhões do governo dos EUA por ser preso injustamente

Ex-conselheiro do Ethereum quer R$ 50 bilhões do governo dos EUA por ser preso injustamente

Steven Nerayoff alega ter sido vítima de provas fabricadas em um suposto caso de extorsão de 10.000 ETH
moedas diversas caindo do céu

Binance anuncia nova plataforma de lançamento de tokens e airdrops 

Por meio da Megadrop, os usuários poderão se inscrever com BNB e concluir tarefas e obter acesso a tokens antes de eles serem listados na plataforma