Imagem da matéria: Bielorrússia Acaba com Impostos em Empresas de Criptomoedas e Blockchain

O governo da Bielorrússia aprovou novos estatutos destinados a encorajar o desenvolvimento de empresas envolvidas com criptomoedas e blockchain.

De acordo com a agência de mídia estatal BelTA, em 22 de dezembro, o presidente da Bielorrússia, Alexander Lukashenko, assinou o decreto de desenvolvimento de economia digital que legalmente consagra o uso de tecnologias emergentes como o blockchain, ao mesmo tempo que oferece incentivos fiscais significativos para atrair atividades comerciais.

Publicidade

O decreto, resumido por uma empresa de TI local que defende a legislação, estimula o desenvolvimento do parque de alta tecnologia do país, a zona econômica especial que o governo quer servir como um centro para startups tecnológicas e financeiras.

Um componente da lei fornece uma base jurídica para as empresas que trabalham no desenvolvimento de contratos inteligentes, emissões de token, operações de criptomoedas e mineração -, todas as quais estarão isentas de imposto de renda nos próximos cinco anos.

A lei declara:

“Lucros de várias transações com tokens não são reconhecidos como tributáveis ​​até janeiro de 2023.”

Conforme relatado em julho, o banco central do país já estava considerando vias para bancos domésticos incorporarem o blockchain como parte de um sistema de garantia de transações.

Em outro relatório publicado hoje, o chefe do banco central, Pavel Kallaur, observou o impulso para servir como um lugar para as empresas de criptomoedas se instalarem.

Leia Também: Bitcoin pode Voltar a US$ 8.000, Diz Novogratz

 

BitcoinTrade

A primeira plataforma Brasileira que você pode comprar com segurança utilizando o seu Cartão de Crédito como forma de pagamento. Eles aceitam Visa e Mastercard. A BitcoinTrade ainda conta com certificação de segurança PCI Compliance, a única no Brasil. Acesse aqui: https://www.bitcointrade.com.br

VOCÊ PODE GOSTAR
Donald Trump posa para foto em evento político nos EUA

Trump cobrará R$ 5 milhões de quem quiser dividir mesa com ele em evento de Bitcoin

Uma foto com Trump também custará caro aos participantes, indo de R$ 330 mil a R$ 550 mil
Moedas de bitcoin sob bandeira da Argentina

Argentina sanciona lei que permite aumento de capital de empresas com criptomoedas

Javier Milei também nomeou um especialista em blockchain para liderar Agência Federal de Segurança Cibernética