Imagem da matéria: Baleia misteriosa por trás da maior carteira de Dogecoin do mundo manda mensagem com compra de 420,69 Doge
Foto: Masa/ Flickr

A misteriosa baleia por trás da maior carteira de Dogecoin (Doge) do mundo continua acumulando criptomoedas e, na terça-feira (18), comprou mais 420,69 Doge, segundo dados do BitInfoCharts. Na quinta-feira (20) foram realizadas outras quatro aquisições de 4,2069 tokens. 

Apesar dos valores representarem quantias pequenas em dólar – cerca de US$ 200 -, os números meme ‘420’ e ‘69’ – que fazem referência à maconha e ao sexo – podem ter sido um sinal de que a baleia continua na ativa e em consenso com o espírito da comunidade.

Publicidade

Não é a primeira vez que o detentor brinca com os números. Em fevereiro, a carteira recebeu várias transações de 28.061971 Doge, uma referência à data de nascimento de Elon Musk: 26 de junho de 1971.

A wallet possui hoje 36,7 bilhões de Doge, uma fortuna avaliada em US$ 14,3 bilhões (R$ 75 bilhões), com base na cotação do ativo desta sexta-feira (21).

A baleia vem acumulando desde fevereiro de 2019, quando o criptoativo valia cerca de US$ 0,0018. De lá para cá, a moeda valorizou 21.500%, chegou a alcançar um recorde de US$ 0,73 e agora se mantém como a sétima maior criptomoeda do mundo em valor de mercado.

A baleia misteriosa

As movimentações desta semana reanimaram o debate sobre quem é a figura por trás endereço que controla 28% da oferta total de dogecoin disponível no mercado. Circulam algumas teorias na internet, mas sem evidências fortes o suficiente para confirmar qualquer identidade.

Publicidade

Parte da comunidade acredita que a baleia é o próprio Musk. Nos últimos tempos, o empresário se tornou um dos maiores defensores da criptomoeda meme, e até hoje o valor que ele tem investido no ativo é desconhecido. 

O bilionário nega que esse seja o caso. Em fevereiro, ele chegou a declarar que a concentração de Dogecoin na mão de poucas pessoas era o maior problema do projeto e a única coisa que impedia o seu total apoio.

No domingo (16) ele voltou a tocar no assunto e disse que esses grandes endereços podem pertencer a exchanges, sendo o aplicativo Robinhood o maior detentor, mas que “seria bom confirmar”.

O CZ, fundador da Binance, respondeu o tweet de Musk dizendo que essas carteiras não são da sua plataforma e que duvida “seriamente” que pertença a outras corretoras com base no padrão de uso. 

Publicidade

A afirmação de que o endereço seja do Robinhood também é questionada por outros especialistas do mercado. A chefe de pesquisa do CoinDesk, Noelle Acheson, disse que uma carteira controlada por uma exchange teria entradas e saídas muito mais frequentes.

A única vez que a baleia realizou lucros em 2021 foi em 12 de abril, quando a Dogecoin atingiu US$ 0,07. Naquele dia, 100 milhões de tokens deixaram a carteira, cerca de US$ 7 milhões na cotação da época. Desde então, o detentor misterioso só acumula.

VOCÊ PODE GOSTAR
Letras que formam a sigla ETF próximas a uma moeda dourada de Bitcoin (BTC)

ETFs de Bitcoin quebram sequência de 19 dias de entradas e têm saídas de US$ 65 milhões

Em uma sequência recorde que durou um mês, ETFs de Bitcoin tiveram a entrada de cerca de US$ 4 bilhões, período em que o BTC se aproximou de sua máxima histórica
Imagem da matéria: Mercado Bitcoin celebra 11 anos com nova assinatura de marca

Mercado Bitcoin celebra 11 anos com nova assinatura de marca

Completando 11 anos, o MB introduz um novo posicionamento de marca, caracterizado por uma atualização na identidade visual
Policial algemando suspeito durante a noite

Médico perde R$ 500 mil em criptomoedas após encontro por aplicativo e sequestro; suspeitos são presos

Os sequestradores que aplicaram o famoso ‘golpe do amor’ foram presos rapidamente pela PM de SP; Polícia Civil investiga o paradeiro dos ativos
Make america great again meme Donald Trump by Decrypt

Carteira cripto de Donald Trump chega a US$ 30 milhões com fãs lhe doando memecoins

O ex-presidente acumulou US$ 30 milhões em criptomoedas depois que a equipe da memecoin Trump Frog (TROG) lhe enviou metade do suprimento