Imagem da matéria: Avalanche Foundation investirá em coleção de memecoins
Foto: Shutterstock

A Avalanche Foundation, organização sem fins lucrativos que supervisiona o desenvolvimento da rede Avalanche, comprará uma coleção de memecoins de acordo com seu programa “Culture Catalyst”.

Em um post no X, a fundação declarou que comprará “memecoins selecionadas baseadas no Avalanche para criar uma coleção”, como parte de uma tentativa de ampliar seu portfólio “para abranger um espectro mais completo de possibilidades”.

Publicidade

O processo de seleção da fundação para sua coleção de memecoins será baseado em critérios que incluem o número de detentores, seus limites de liquidez, a maturidade do projeto, “princípios de um lançamento justo” e “sentimento social geral”, acrescentou.

Ao explicar sua decisão de investir em memecoins, a Avalanche Foundation alegou que elas “vão além de meros ativos utilitários” e representam “o espírito coletivo e os interesses compartilhados de diversas comunidades de criptomoedas“.

As memecoins são um tipo de token que geralmente — mas não exclusivamente — se baseiam em memes da Internet: piadas e imagens compartilhadas nas mídias sociais. A memecoin original, Dogecoin, foi criada originalmente como uma piada que zombava da proliferação de altcoins.

O preço das memecoins é normalmente influenciado por fenômenos culturais da internet; o preço da Dogecoin aumentou e diminuiu em conjunto com os tweets do fã bilionário Elon Musk sobre cães, por exemplo. Outros tokens são criados para capitalizar eventos dignos de notícia; a criptomoeda Floki Inu recebeu o nome do cachorro de estimação de Musk.

Publicidade

No início deste ano, o fundador da University Grade Trading Education, Thomas Kralow, disse ao Decrypt que as memecoins não têm nada para sustentar seu preço depois que o “hype se esgota” e o fenômeno cultural ao qual estão ligadas desaparece de vista. “Não é um investimento muito bom, é apenas um jogo de azar”, alertou.

Após o anúncio da Avalanche Foundation, o preço das memecoins baseadas no Avalanche, incluindo Husky Avax e Coq Inu, subiu dois dígitos, segundo dados do CoinGecko. A Husky Avax subiu mais de 66% nas últimas 24 horas, enquanto a Coq Inu subiu mais modestos 11%. No entanto, nem todas as memecoins baseadas no Avalanche se beneficiaram com as notícias, e a Shibavax, com tema de cachorro, permaneceu estática no dia.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
mescla de dólares e moedas de bitcoin sobre a mesa

Mt. Gox inicia pagamentos de Bitcoin, mas credores podem ter que esperar até 3 meses para receber

Apesar do início dos pagamentos da Mt. Gox, a data em que o valor em Bitcoin aparecerá na conta dependerá da corretora escolhida pelo credor
Imagem da matéria: Guilherme Haddad Nazar se torna vice-presidente da Binance na América Latina

Guilherme Haddad Nazar se torna vice-presidente da Binance na América Latina

Com mudança, Guilherme Nazar, sobrinho do ministro Fernando Haddad, passa a acumular a função de diretor geral da Binance no Brasil
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin sobe acima de US$ 58 mil à medida que ETFs voltam a atrair investidores

Manhã Cripto: Bitcoin sobe acima de US$ 58 mil à medida que ETFs voltam a atrair investidores

Os ETFs de Bitcoin à vista negociados nos EUA captaram US$ 654,3 milhões entre os dias 5 e 9 de julho
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin se mantém em US$ 63 mil enquanto Mt. Gox move US$ 2,8 bilhões

Manhã Cripto: Bitcoin se mantém em US$ 63 mil enquanto Mt. Gox move US$ 2,8 bilhões

Especialistas estão confiantes na capacidade do mercado absorver qualquer pressão de venda que possa vir dos credores da Mt. Gox