Imagem da matéria: As criptomoedas estão se tornando políticas – e a Consensys quer ficar fora disso
(Foto: Shutterstock)

À medida que as criptomoedas emergem como uma questão cada vez mais partidária nas eleições presidenciais de 2024 – com Donald Trump fazendo aberturas para a indústria e o presidente Joe Biden ameaçando anular a legislação destinada a protegê-la – as empresas americanas de cripto começaram a gastar muito para ajudar as campanhas pró-candidatos cripto em todo o país.

Principais pilares da indústria como Coinbase, Andreessen Horowitz e Ripple Labs já dedicaram dezenas de milhões de dólares para influenciar as principais disputas pelo Senado e pela Câmara este ano. Enquanto isso, os líderes cripto começaram a abraçar Trump abertamente de uma maneira impensável há quatro anos.

Publicidade

Mas em meio à ascensão da indústria como uma força na arrecadação de fundos para as eleições americanas, uma das empresas de criptoativos mais valiosas do país optou por ficar totalmente fora da política partidária.

A Consensys, a gigante do software Ethereum de US$ 7 bilhões, absteve-se notavelmente de apoiar candidatos amigáveis à criptomoedas nas eleições de 2024. Para o fundador e CEO da empresa, Joe Lubin, esta é uma escolha deliberada destinada a garantir o sucesso a longo prazo da indústria.

“Politicamente, gostamos de permanecer neutros”, disse Lubin ao Decrypt. “Não faz sentido escolhermos um partido quebrado em detrimento de outro.”

Depender de um partido ou facção política para apoiar cripto não é uma estratégia de longo prazo tão sustentável quanto solidificar a legalidade da indústria por meio do judiciário, acredita o cocriador do Ethereum.

Publicidade

“A maneira de superar tudo isso, a forma como nos posicionamos… é confiar nos tribunais”, disse ele.

No mês passado, a Consensys entrou com uma ação preventiva contra a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC), argumentando que o regulador não tem autoridade legal para classificar o ETH como um valor mobiliário – uma posição que mantém secretamente há mais de um ano, revelou o processo.

“O processo judicial com a SEC é uma boa plataforma para ajudarmos as pessoas a compreender os benefícios da tecnologia”, disse Lubin. “Não creio que precisemos ser politicamente partidários ou fazer doações políticas para sermos uma voz muito clara e forte sobre este assunto.”

Isso não quer dizer, porém, que o empresário tenha evitado completamente a política – longe disso. Lubin diz que a Consensys mantém regularmente conversas a portas fechadas com políticos e reguladores sobre a importância das criptomoedas para o futuro da América.

O que é fundamental, porém, é que essas conversas visam criar um amplo consenso – perdoem o trocadilho – em torno de cripto.

“Podemos não ser visíveis”, disse Lubin sobre as maquinações políticas da Consensys, “mas certamente estamos fazendo coisas”.

*Traduzido com autorização do Decrypt.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ilustração de baleia nadando com moeda de bitcoin em seu interior

Baleia de Bitcoin movimenta US$ 535 milhões após mais de 5 anos parada

Uma baleia não identificada transferiu 8.000 BTC para a Binance ontem – se vendida, renderia mais de meio bilhão de dólares em lucro
Imagem da matéria: Exchange japonesa DMM Bitcoin apresenta plano após perder US$ 300 milhões em BTC

Exchange japonesa DMM Bitcoin apresenta plano após perder US$ 300 milhões em BTC

Empresa já iniciou processo de captação para comprar a quantidade suficiente em Bitcoin para pagar os clientes impactados pelo ataque
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Bitcoin começa semana em alta e volta a buscar faixa de US$ 70 mil

Manhã Cripto: Bitcoin começa semana em alta e volta a buscar faixa de US$ 70 mil

Bitcoin abre o primeiro dia útil da semana em forte alta: valorização de 2,5% nas últimas 24 horas, cotado em US$ 69.107
Make america great again meme Donald Trump by Decrypt

Carteira cripto de Donald Trump chega a US$ 30 milhões com fãs lhe doando memecoins

O ex-presidente acumulou US$ 30 milhões em criptomoedas depois que a equipe da memecoin Trump Frog (TROG) lhe enviou metade do suprimento