Imagem da matéria: Analista dá três razões pelas quais US$ 1,6 bilhão em ETH acabou de sair das exchanges
Foto: Shutterstock

O saldo de Ethereum nas grandes corretoras de criptomoedas atingiu uma mínima de 15 meses, com 15,4 milhões de ETH (US$ 20,5 bilhões), de acordo com a Glassnode no sábado (23).

O êxodo começou na terça-feira, quando havia 16,6 milhões de ETH nas exchanges, o que significa que US$ 1,6 bilhão saiu das corretoras. A conta Whale Alert no Twitter, um bot que rastreia grandes transações de criptomoedas, relatou que grande parte saiu em direção a carteiras anônimas.

Publicidade

Mas para onde foi e o que causou isso?

Pedro Febrero, analista da Quantum Economics, disse ao Decrypt que pode haver três razões que explicam por que tanta ETH foi drenada das bolsas.

Primeiro, “Ethereum voltou a ser bloqueado no DeFi”, disse Febrero, em referência aos smart contracts de projetos de finanças descentralizadas. DeFi refere-se à indústria emergente de protocolos de empréstimos descentralizados, bolsas e protocolos derivativos sintéticos.

No entanto, esse não parece ter sido o motivo. De acordo com o DeFi Pulse, um site que rastreia a quantidade de criptomoedas em contratos inteligentes, a quantidade de ETH bloqueada no DeFi na verdade diminuiu de 7 milhões de ETH na terça-feira para 6,9 milhões no dia seguinte. E quanto ao resto?

A próxima melhor estimativa de Febrero: “O número de ETH bloqueados na cadeia de beacon (PoS) cresceu mais de 320% desde dezembro de 2020.” Febrero, aqui, está falando sobre a ETH bloqueadas nos contratos inteligentes para ETH2.0, a atualização de próxima geração para o blockchain Ethereum. As pessoas fazem stake em ETH 2.0 para proteger a rede e ganham recompensas em seus depósitos.

Publicidade

E bingo! Verifique as estatísticas. Em 19 de janeiro, 170.000 ETH foram colocadas em ETH2.0, e depois outros 200.000 ETH na quarta-feira. Isso pode ser responsável por cerca de um terço do ETH que saiu, mas não tudo.

Em terceiro, “Investidores institucionais e smart money, como investidores da GrayScale, estão acumulando Ethereum”, disse ele.

Então, para onde foi toda a ETH? Os investidores privados, HODLers e investidores podem explicar a localização do resto das moedas misteriosas.

Mas para onde foi a ETH é secundário se comparada ao fato de ela ter saído das bolsas, explicou Febrero. “Em nossa opinião, achamos que isso significa que o preço do Ether tem mais chance de subir. Quanto menos Ether estiver disponível nas bolsas, maior será a probabilidade de o preço subir”, disse ele.

*Traduzido e editado com autorização da Decrypt.co
VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Ripple anuncia programa contínuo de bolsas em dinheiro para programadores do Brasil

Ripple anuncia programa contínuo de bolsas em dinheiro para programadores do Brasil

Meta é que comunidade de programadores crie soluções na XRP Ledger, blockchain usada pela empresa e que tem o token nativo XRP
Imagem da matéria: Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

Manhã Cripto: CVM aplica multa de R$ 55,8 milhões a Atlas Quantum e dono foragido

A CVM multou a pirâmide financeira Atlas Quantum após identificar indícios “robustos e consistentes” de que tudo não passava de uma operação fraudulenta
Imagem da matéria: ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

ABCripto lança campanha de arrecadação de criptomoedas em apoio a vítimas de enchentes no RS

Ação conjunta da ABcripto e associados visa levantar fundos e doações para desabrigados das inundações
Ilustração da memcoin em Solana Bonk

Como criar uma memecoin em Solana com a Pump.fun

Protocolo viralizou ao permitir a qualquer pessoa criar uma criptomoeda por cerca de R$ 15