Imagem da matéria: Trader de IQ Option processa Instagram para deletar perfil crítico e se defende em live
Em live no Youtube, trader de IQ Option Diego Bruno se defendeu de acusações (Foto: Reprodução)

Diego Bruno, trader de IQ Option acusado de propaganda enganosa em curso de opções binárias, tenta na Justiça tirar do ar uma conta no Instagram que faz críticas a ele. Ao mesmo tempo, ele quebrou o silêncio e fez uma live no Youtube para se defender das acusações e promover um novo curso.

Uma tutela antecipada proferida pela Justiça de Goiânia determinou o bloqueio do perfil, mas o dono conseguiu contornar e retornou com a página.

Publicidade

“Ao teor do exposto, defiro o pedido de antecipação dos efeitos da tutela e determino que a parte ré bloqueie a conta mantida sob a rede social Instagram”, diz a decisão publicada no dia 09 de novembro pelo 9º Juizado Especial Cível da Comarca de Goiânia. O valor da causa é de R$ 1 mil.

Segundo o Juizado Especial Cível, em primeira análise dos documentos anexados ao processo, Diego Bruno está no direito de preservar sua imagem.

“Verifico, a princípio, a probabilidade do direito alegado. É que, conforme se vê dá página @jornadadainconsistencia, do aplicativo Instragram (arq. 05), é nítido que foi criado um perfil com o claro intuito de denegrir a imagem do autor, já que consta o nome dele na biografia da página, bem como os termos “canalha”, “pilantra” e “manipulador”, escreveu o Juizado Especial Cível.

Em outro ponto, a defesa de Diego Bruno alegou que seu cliente usa da conta social como “ferramenta de trabalho”.

Publicidade

Nesta segunda-feira (16), Rafael Henrique, dono da conta, disse que provisoriamente conseguiu reverter a situação.

“Estava sumido por conta de uma liminar, contornei temporariamente”, escreveu o usuário que também usa a conta como uma ferramenta — de denúncias acerca do caso Diego Bruno.

A reportagem tentou contato com Rafael pelo Instagram, mas ele não respondeu até a publicação deste texto.

Live de defesa no Youtube

Na noite de segunda-feira (17), Bruno fez uma live em seu canal no Youtube no qual se defendeu das acusações. Ele afirma que até o momento apenas três pessoas não foram reembolsadas e que devolveu aos clientes insatisfeitos mais de R$ 150 mil.

Essas três pessoas, afirmou, não vão receber o dinheiro de volta pois estão estão respondendo criminalmente na Justiça por venderem o curso ilegalmente. A reportagem não conseguiu nenhum processo além do que consta contra o Instagram.

Em outro momento, o youtuber afirmou que foi ele que havia sido ameaçado e mostrou um boletim de ocorrência sobre o caso. Por fim, ele acusou o Portal do Bitcoin de não ter dado chance de defesa em uma reportagem sobre a revolta de seus clientes e mostrou um email enviado pela nossa equipe de reportagem dias depois da publicação da matéria.

Publicidade

Contudo, este email se tratava de perguntas para outra reportagem. Na primeira, publicada no dia 11 de novembro, os questionamentos foram enviados diretamente para o seu perfil no Instagram. Em ambos os casos, não houve resposta até a publicação deste texto.

Curso de IQ Option

A conta bloqueada e posteriormente liberada — ‘Jornada da Inconsistência’ — indica que foi criada “para compartilhar resultados e experiência do ‘Jornada da Consistência’ do Diego Bruno”, que era o nome do curso vendido.

Conforme sugerem as postagens de Henrique, as vítimas alegam propaganda enganosa, ou seja, de acordo com relatos, Diego vendia seu produto ‘sala de sinais’ como se fosse um curso.

VOCÊ PODE GOSTAR
Ronaldinho Gaúcho em vídeo promovendo Olymp Trade

CVM aplica multa de R$ 680 mil em corretora promovida por Ronaldinho Gaúcho

Promovida pelo ex-craque da Seleção, Ronaldinho Gaúcho, a Olymp Trade prometia retornos de até 92%
Imagem da matéria: "Jogo do Tigrinho" deve ser liberado pelo governo do Brasil; veja regras

“Jogo do Tigrinho” deve ser liberado pelo governo do Brasil; veja regras

A liberação do “Jogo do Tigrinho” deve ser feita por meio de portaria que será emitida pelo Ministério da Fazenda
Imagem da matéria: Usuários da 99Pay têm chaves PIX vazadas, alerta Banco Central

Usuários da 99Pay têm chaves PIX vazadas, alerta Banco Central

Também foram potencialmente expostos dados como nome do usuário, CPF com máscara, instituição de relacionamento, agência e número da conta
mão segura celular com logo do whatsapp

WhatsApp pirata pode estar minerando criptomoedas no seu celular sem você saber

Conhecidos como WhatsApp GB, Aero e Plus, as cópias não autorizadas do app oficial da Meta podem abrir portas para vazamento de mensagens, fotos e áudios, dizem especialistas