Fotos dos equipementos de mineração de criptomoedas operados com furto de eletricidade em Canela, RS
(Foto: Divulgação/PCRS)

A Polícia Civil do Rio Grande do Sul (PCRS) prendeu na terça-feira (18) um casal que operava uma fazenda de mineração de criptomoedas clandestina em Canela, município da Serra Gaúcha, que pode ter dado um prejuízo de R$ 1,5 milhão à permissionária de energia da região, RGE.

Segundo informações iniciais, a operação que furtava energia elétrica rendia aos acusados cerca de R$ 400 mil por mês. “Em buscas, constatou-se o funcionamento de centenas de máquinas utilizadas para a mineração de criptomoedas”, diz a nota da PCRS, ressaltando que a estimativa de prejuízo da RGE considerou um consumo mensal acima de R$ 100 mil pelos equipamentos.

Publicidade

De acordo com o Delegado Vladimir Medeiros, titular da Delegacia de Polícia de Canela e responsável pelas investigações, houve troca de informações com o setor de combate a fraudes da RGE, com representação policial junto ao Poder Judiciário e Ministério Público, tendo os pedidos da autoridade sido prontamente atendidos.

O casal, cujos nomes não foram revelados, foi encaminhado ao Presídio Estadual de Canela, diz a polícia, que apreendeu todos os equipamentos, “avaliados preliminarmente em mais de meio milhão de reais”.

Segundo o delegado, eles vão responder aos crimes de furto de energia elétrica, porte ilegal de arma de fogo de uso proibido, crime contra a ordem tributária e lavagem de dinheiro. 

Para o delegado Gustavo Celiberto Barcellos, Diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional do Interior, a ação criminosa resultou em prejuízo milionário à permissionária e, em última análise, aos próprios consumidores, bem como repressão qualificada aos demais delitos “que serão objeto de profunda investigação”.

  • Quer ter a chance de ganhar 1 ethereum (ETH)? Abra sua conta grátis no Mercado Bitcoin e comece a negociar o quanto antes.
VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Manhã Cripto: Queda de 4% leva o Bitcoin abaixo de US$ 60 mil e provoca liquidações de US$ 307 mi

Manhã Cripto: Queda de 4% leva o Bitcoin abaixo de US$ 60 mil e provoca liquidações de US$ 307 mi

É a primeira vez desde o início de maio que o Bitcoin apresenta uma cotação tão baixa
Imagem da matéria: 7 altcoins que estão superando a recuperação do mercado de criptomoedas

7 altcoins que estão superando a recuperação do mercado de criptomoedas

A temporada das altcoins está começando? Embora as criptomoedas de primeira linha estejam de lado, algumas altcoins registram ganhos impressionantes de até 11% hoje
Imagem da matéria: Investidores apostam mais de R$ 1 bilhão no resultado das eleições dos EUA na Polymarket

Investidores apostam mais de R$ 1 bilhão no resultado das eleições dos EUA na Polymarket

Segundo analistas da Bernstein, a Polymarket é um exemplo de como a tecnologia blockchain está trazendo maior transparência e eficiência aos mercados de apostas políticas
Moeda prateada de Ethereum (ETH) em frente a um gŕafico de preço com candles em queda

Fundos de investimento em Ethereum sofrem maior saída de capital em dois anos

Com as saídas dos ETPs de Ethereum, os fundos de criptomoedas chegaram à terceira semana consecutiva de fluxo negativo acumulando perdas de US$ 30 milhões