Moedas de Bitcoin sobre mesa espelhada
Shutterstock

Os investidores podem respirar aliviados, pois as entradas líquidas de ETFs de Bitcoin à vista nos EUA excederam as saídas líquidas em US$ 31 milhões pela primeira vez em duas semanas, de acordo com a plataforma de análise de dados SoSovalue.

Esse novo voto de confiança dos investidores institucionais no Bitcoin coincidiu com a recuperação do preço do criptoativo de US$ 59.495 para US$ 61.485 no momento da redação deste artigo, um aumento de 3,5% depois que o BTC ultrapassou a marca de US$ 60 mil no dia 25 de junho.

Publicidade

O fundo FBTC da Fidelity registrou o maior fluxo de entrada de US$ 49 milhões, enquanto o fundo BITB da Bitwise registrou um fluxo de entrada de US$ 15 milhões. Enquanto isso, o fundo GBTC da Grayscale registrou a maior saída, de US$ 30 milhões.

Os ETFs de Bitcoin registraram uma grande liquidação, já que as saídas líquidas ficaram em US$ 714 milhões nas cinco sessões de negociação anteriores. A liquidação se intensificou no dia 24 de junho, quando os administradores da Mt. Gox anunciaram que os credores da Mt. Gox começariam a receber reembolsos a partir da próxima semana.

Outro fator para o aumento do preço do Bitcoin provavelmente são as liquidações de derivativos. Quase US$ 62 milhões em posições vendidas foram liquidados, o que representou a grande maioria do total de liquidações que ocorreram nas últimas 24 horas.

Uma nota de negociação da Off the Chain Capital compartilhada com o Decrypt sugere que os credores da Mt. Gox, que começarão a receber reembolsos a partir da próxima semana, podem não estar muito interessados em se separar de suas participações de uma década.

Publicidade

“Quando as distribuições da Mt. Gox forem feitas, acredito que o mercado não começará a se desfazer dos ativos imediatamente, porque não vejo tantos detentores de reivindicações vendendo seus Bitcoins depois de recebidos, como poderia ter acontecido se eles os tivessem recebido há vários anos”, escreveu Brian Dixon, CEO da Off the Chain Capital, na nota. 

O motivo, acrescentou ele, é que o Bitcoin amadureceu consideravelmente desde que a Mt. Gox entrou com pedido de falência em 2014. 

“O detentor de uma reivindicação deve se perguntar se precisa desse dinheiro para alguma coisa, ou se é melhor manter o Bitcoin como uma reserva de valor de longo prazo”, escreveu Dixon, acrescentando que o BTC tem sido o ativo de melhor desempenho em 12 dos últimos 15 anos.

Essa opinião foi compartilhada por Alex Thorn, diretor de pesquisa da Galaxy Research.

“Os credores estão presos na falência da Mt. Gox há mais de 10 anos – finalmente o administrador judicial diz que a distribuição em espécie de #BTC #BCH começará em julho. Acreditamos que menos criptomoedas serão distribuídas do que as pessoas pensam e que isso causará menos pressão de venda de #bitcoin do que o mercado espera”, segundo um post de Thorn no X.

Publicidade

Em um post subsequente, Thorn afirmou que é improvável que os credores individuais vendam seus lucros, pois são detentores de longo prazo e observou que eles tiveram a opção de vender seus créditos durante a maior parte de uma década. Ele acrescentou que a venda de seu BTC recuperado também incorreria em um imposto significativo sobre ganhos de capital para os credores dos EUA, uma vez que o Bitcoin subiu substancialmente na última década.

*Traduzido por Gustavo Martins com autorização do Decrypt.

  • Quer ter a chance de ganhar 1 ethereum (ETH)? Abra sua conta grátis no Mercado Bitcoin e comece a negociar o quanto antes
VOCÊ PODE GOSTAR
Imagem da matéria: Senador que chamou Bitcoin de "escolha ideal para criminosos" é condenado por corrupção

Senador que chamou Bitcoin de “escolha ideal para criminosos” é condenado por corrupção

“Este caso sempre foi sobre níveis chocantes de corrupção”, disse o procurador dos EUA
Jamie DImon, CEO do JP Morgan

Crítico do Bitcoin, CEO do JP Morgan é cotado por Trump para assumir Tesouro dos EUA

Dimon poderia ser o Secretário do Tesouro ideal, de acordo com o candidato presidencial republicano Donald Trump
Imagem da matéria: Mt. Gox: relembre a ascensão e queda da exchange que vai distribuir bilhões em Bitcoin

Mt. Gox: relembre a ascensão e queda da exchange que vai distribuir bilhões em Bitcoin

Mais de uma década após a maior exchange de Bitcoin do mundo ser hackeada, os credores da Mt. Gox finalmente receberão seus reembolsos; aqui está o que aconteceu
Imagem da matéria: Alemanha continua vendendo Bitcoin e reserva cai de US$ 3 bi para US$ 223 milhões

Alemanha continua vendendo Bitcoin e reserva cai de US$ 3 bi para US$ 223 milhões

A 10x Research afirma que a pressão de venda do governo alemão está diminuindo e que o Bitcoin parece tecnicamente sobrevendido