Imagem da matéria: Ethereum bate nova máxima histórica e bitcoin supera os US$ 38 mil
(Foto: Shutterstock)

Tanto o Ethereum quanto o Bitcoin operam em alta nesta sexta-feira (05). O ETH atingiu outro recorde histórico de pouco mais de US$ 1.720. No Brasil, foi negociado acima dos R$ 9500. Já o BTC, superou os US$ 38 mil no inicio do dia e deu uma leve recuada em seguida.

A capitalização de mercado do ETH – o preço combinado de todas as moedas em circulação – chega a aproximadamente US$ 195,9 bilhões, com um volume diário de negociação de mais de US$ 40 bilhões.

Publicidade

O Ethereum tem apresentado forte tendência de alta nas últimas semanas, subindo de US$ 640 para seu preço atual em apenas dois meses e superando seu recorde anterior no início de janeiro de 2018.

O Bitcoin, por outro lado, não quebrou nenhum recorde hoje, mas seu preço ultrapassou US$ 38.000, potencialmente preparando o ativo para ir em direção a sua máxima de US$ 41.940 registrada em 8 de janeiro.

Ethereum em alta

O preço dessa vez não está sendo impulsionado pelo mercado de varejo. Um documento divulgado ontem pela gestora Grayscale mostra seu produto ‘Ethereum Trust’, um produto de capital aberto que possui um valor subjacente de ETH, cresceu US$ 38 milhões em apenas um dia, quando foi reaberto para negócios. Isso traz seu total de ativos acima da marca de US$ 4,2 bilhões.

Ninos Mansor, um sócio do Arrington XRP Capital, disse que alguns catalisadores que impulsionaram os preços do ETH para cima foram a crescente adoção de aplicações DeFi e as enormes quantidades de ETH bloqueadas em “stake” conforme o blockchain se transforma em um POS.

Publicidade

Ele acrescentou que a reabertura do Ethereum Trust da Grayscale era um potencial “buraco negro” para o ativo. Isso ocorre porque as moedas ficam presas por longos períodos de tempo, o que significa que não podem ser vendidas e despejadas no mercado. Essencialmente, isso poderia acabar reduzindo a quantidade de liquidez nas bolsas – que continua caindo.

Do lado ruim, o aumento do preço do ETH tem feito as taxas de transação dispararem. O gas – como a taxa é chamada – está custando US$ 17,48 (R$ 94,70), em média, de acordo com a plataforma de dados ycharts. Devido ao custo elevado, diversos traders estão reclamando sobre a impossibilidade de fazer negociações com ETH em diversas exchanges.

VOCÊ PODE GOSTAR
bitcoin brilhando na mão

Semler Scientific investe US$ 40 milhões em Bitcoin e ações disparam 25%

As ações da Semler Scientific subiram 25% após a entidade anunciar a adoção do Bitcoin como principal ativo de reserva do tesouro
Sob um banco de madeira três criptomoedas ao lado de um celular com logo do Nubank

Nubank libera envio e recebimento de criptomoedas de carteiras externas

Já estão disponíveis para essas transações Bitcoin, Ethereum e Solana; outras moedas e redes serão adicionadas em breve
Michaël van de Poppe em vídeo no Youtube

“É hora de investir em altcoins como Ethereum além do Bitcoin”, diz Michaël van de Poppe

Citando o Ethereum com uma das opções, o analista diz que o mercado de altcoins já passou por correção e que a tendência agora é de alta
Anic de Almeida Peixoto Herdy é casada com herdeiro da Unigranrio

Herdeira é sequestrada em Petrópolis e criminosos exigem resgate em Bitcoin

Técnico de informática amigo do casal conversou com sequestradores por entender de criptomoedas e foi preso por suspeita de envolvimento