Uma baleia acabou de transferir mais de 7.000 Bitcoins – valendo quase US$ 333 milhões no preço atual do Bitcoin – para uma carteira desconhecida, de acordo com o rastreador Whale Alert. A taxa de transação foi de apenas 0,00011920 BTC, ou R$ 31.

Baleia é um termo usado para denotar os proprietários de grandes quantidades de bitcoins. A transação foi feita às 01:53 UTC neste sábado (27) de uma carteira desconhecida para outra carteira desconhecida. Antes da transação, a carteira era a 241ª com mais Bitcoins armazenados.

Como a identidade do dono da carteira é desconhecida, é difícil determinar por que o BTC foi movido. Especulações para transferências de baleias incluem instituições movendo criptos para cold wallets, grandes negócios em OTC ou transferências internas entre carteiras de exchanges. Mas especulações são especulações; a identidade da baleia permanece misteriosa por enquanto.

Houve outras grandes movimentações esta semana. Na quinta-feira, US$ 400 milhões em Bitcoin (8.000 BTC) foram enviados da 215ª maior carteira para uma carteira que o Whale Alert afirmou estar ligada à Coinbase.

Mas de acordo com um registro no Bit Info Charts, a carteira do receptor é propriedade da BetVIP, não da Coinbase. BetVIP.com era um sportsbook apenas com Bitcoin licenciado no país de Curaçao — a empresa fechou as portas em 2015, um ano após seu estabelecimento, citando “ambiente legal restritivo” e “falta de receita viável”.